Massagem erótica para colocar em pratica a noite

Escrito Por Master 19/04/2017 0 Comentarios

Massagem erótica para colocar em pratica a noite

 

 

 

     Manter a chama da relação acesa nem sempre é fácil. Com a correria do dia a dia, cansaço ou até mesmo problemas pessoais, muitos relacionamentos acabam caindo na rotina. Para reacender o interesse, uma boa opção é a massagem erótica.Com foco no prazer sexual e uma verdadeira viagem para satisfazer os sentidos e buscar o êxtase esse tipo de massagem, quando bem feita, aproxima o casal, ativando a energia sexual dos corpos e gerando calor.

      No entanto, para que você alcance o objetivo desejado (apimentar sua noite), é preciso seguir alguns passos. Pensando nisso, elaboramos um texto com algumas dicas que podem tornar sua noite inesquecível.

 

 

 

Aprenda como fazer uma excelente massagem erótica

 

 

 

      Uma boa massagem erótica é capaz de fazer o parceiro relaxar completamente, focando-se apenas nas sensações que o toque em seu corpo fazem sentir. Em meio a tantos estímulos, conseguir desligar-se do mundo externo e mergulhar na interação com o outro pode ser complicado. A menos que você siga os seguintes passos.

 

 

Dica 1: Monte o clima

 

 

       Uma boa massagem erótica começa com o clima correto. Por exemplo, decore o quarto com velas aromáticas, como as próprias para este tipo de massagem (ao derreter se transformam em óleo quente, não queimando a pele).

          Se optar pela música, escolha sons tranquilos e serenos. Experimente também incluir sabores nesta experiência, como chocolate e champanhe. Não se esqueça de forrar a cama com lençóis limpos. Procure ainda estimular o lado sensorial, inserindo elementos com odores frescos e separe ainda um óleo vegetal, importante para diminuir o atrito com a pele ou um hidratante.

 

 

Dica 2: Invista na sedução

 

 

      O cuidado com o visual é parte importante da massagem erótica. Conquiste seu parceiro com uma lingerie mais ousada, um perfume suave, espalhe hidratante pelo corpo e trabalhe também a entonação de sua voz.

      Ao se dirigir a ele fale sempre com um tom mais aveludado, capriche no olhar durante a preparação para a massagem e deixe os problemas fora do quarto. A conversa deve tratar apenas de temas leves.

 

 

Dica 3: Sensibilize o corpo

 

 

      Antes de começar a massagem erótica, ajude seu parceiro a se despir e peça-o para que se deite de bruços, completamente nu. Comece a massagem de baixo para cima, permitindo que ele relaxe.

     Aperte cada ponto da planta dos pés, suba pelas pernas, usando apenas a ponta dos dedos e então vá caminhando, até chegar a suas costas e ombros, para relaxar toda sua musculatura.

     Enquanto massageia cada ponto do corpo de seu parceiro provoque sua sensibilidade. Arranhe-o delicadamente, invista na região da nuca, área atrás das orelhas e use também a boca, os lábios e a língua, para estimular pontos mais sensíveis.

 

 

Dica 4: Use a respiração

 

 

 

     Para tornar a massagem erótica ainda mais intensa, peça a seu parceiro que vire de costas e então respire fundo próximo a sua boca. Inspire profunda e lentamente e peça que seu parceiro repita o movimento de respiração. Essa prática irá conectá-los.

 

 

 

Dica 5: Abuse do toque

 

 

 

     Na próxima etapa da massagem erótica, espalhe bastante óleo ou hidratante sobre o corpo de seu parceiro, de forma que suas mãos deslizem facilmente.Então comece as carícias, em todos os pontos de seu corpo, iniciando pelo peito e descendo até os pés. Enquanto isso encoste sua pele contra a pele dele, roçando seu corpo.

 

 

 

Dica 6: Explore as zonas erógenas

 

 

 

     Uma boa massagem erótica deve terminar com a exploração metódica de todas as zonas erógenas do corpo de seu parceiro. Acaricie a virilha, a área interna das coxas, o umbigo e, então, conclua com uma boa massagem nos órgãos sexuais.

Depois desta massagem, a noite de vocês terminará da forma mais prazerosa possível. 

Deixe um Comentario